image

Blog

"Conhecimento não é aquilo que você sabe,
mas o que você faz com aquilo que você sabe."
Aldous Huxley

Engenheiros criam “pele eletrônica” capaz de sensação de toque

Pessoas com membros amputados muitas vezes experimentam a sensação de possuírem um “membro fantasma” – sensação de que uma parte ausente do corpo na verdade ainda esteja no mesmo lugar.

Essa ilusão sensorial está mais próxima de se tornar realidade, quando se trata de próteses, graças a uma equipe de engenheiros da Universidade Johns Hopkins (Baltimore, EUA) que criaram uma “pele eletrônica”. Quando aplicada sobre um membro protético, a E-dermis traz de volta uma sensação real de toque através das pontas dos dedos.

“Após anos, eu consegui sentir minha mão, como se uma concha vazia se enchesse de vida novamente” – diz o principal voluntário anônimo.

Fabricada de tecido, borracha, e sensores para imitar as terminações nervosas do corpo humano, a E-dermis recria uma sensação de toque, assim como a dor, sentindo estímulos e os retransmitindo de volta aos nervos periféricos.

“Fizemos um sensor que envolve as mãos de uma prótese e age como sua própria pele”, diz Luke Osborn, um estudante de pós-graduação em engenharia biomédica.

 

(Via ScienceDaily)

Publicado em Engenharia de Computação, Engenharia Elétrica, Inovação, Tecnologia no dia 10/08/2018